CRATO NO COMBATE AO TRABALHO INFANTIL E A EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES

VÁRIAS LOCALIDADES DO MUNICÍPIO RECEBERAM AS ATIVIDADES.

CRATO NO COMBATE AO TRABALHO INFANTIL E A EXPLORAÇÃO SEXUAL DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES

A Secretaria Municipal do Trabalho e Desenvolvimento Social do Crato (SMTDS) realizou, durante a semana de 17 a 21 de fevereiro, em diversas localidades assistidas pelos Centros de Referência em Assistência Social (CRAS's), atividades referentes à campanha de carnaval das Ações Estratégicas do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (AEPETI). Os técnicos e orientadores sociais desenvolveram um trabalho informativo e de sensibilização contra a exploração sexual de crianças e adolescentes, e enfrentamento ao trabalho infantil, bem como identificando possíveis crianças em situação de vulnerabilidade nesse contexto.

A campanha de Carnaval do AEPETI 2020 teve como tema "Trabalho Infantil não é Folia", "Diga não à 

Exploração de Crianças e Adolescentes" e traz como objetivo geral mobilizar, informar e sensibilizar a sociedade para o combate à violação dos direitos da criança e do adolescente. E, de forma específica, se propõe a convocar a sociedade cratense para a mobilização em defesa dos direitos de crianças e adolescentes; desenvolver ações que promovam a conscientização acerca da prevenção dos casos de trabalho infantil, bem como a exploração sexual de crianças e adolescentes; divulgar endereço e telefones de contatos para denúncia dos casos de violação dos direitos da criança e do adolescente. Na quinta-feira (20), foram realizadas ações na Encosta do Seminário, e na sexta-feira (21), a equipe esteve em frente a Prefeitura do Crato com o bloco "Disque 100, Trabalho infantil não é folia, diga não a exploração de crianças e adolescentes". "Da sede da prefeitura seguimos pelas ruas do centro da cidade até a Praça da Sé, na proposta de educação e sensibilização com entrega de ventarolas (leques) e colagem de cartazes", destacou a técnica de referência do AEPETI, Flávia Jayne Costa.